Revista TÊNIS

Wimbledon

Federer e Nadal protagonizaram "melhor partida de todos os tempos" no último confronto em Wimbledon

Partida marcou também o primeiro título do espanhol no Slam londrino

Da redação em 10 de Julho de 2019 às 18:24

Duelo de 2008 é considerado o maior da história (Foto: Divulgação/Wimbledon)

Wimbledon sediará na próxima sexta-feira (10) a maior rivalidade da história do tênis. De um lado o suíço Roger Federer. Do outro, o espanhol Rafael Nadal . Os dois duelam em jogo ainda sem horário definido pelas semifinais do torneio.

Este será o quarto duelo entre os dois na grama sagrada. Na última partida, realizada no dia 6 de julho de 2008, o tênis viveu um de seus momentos mais gloriosos. Em jogo considerado até hoje como o maior da história, Nadal bateu Federer na final do Major britânico, garantindo seu primeiro troféu do torneio, além de seu primeiro Slam sem ser Roland Garros, onde domina desde 2005.

Leia mais:

Nadal passa com tranquilidade por Querrey e marca encontro com Federer em Wimbledon

+Roger Federer aplica pancada de backhand sobre Kei Nishikori em Wimbledon; assista o lance

Na ocasião, o favorito era o suíço. Roger ainda era número 1 do mundo e vinha de cinco títulos consecutivos na grama sagrada. Para completar, as duas últimas finais haviam sido vencidas justamente contra Nadal.

Os dois chegaram à decisão embalados por campanhas tranquilas. Federer não perdeu sets até a final, enquanto Rafa deixou apenas uma parcial pelo caminho, na terceira rodada, contra o letão Ernests Gulbis.

O jogo começou favorável para Nadal, que conseguiu vencer os dois primeiros sets por 6/4, ficando perto da conquista inédita no Slam londrino. Porém, Federer não se mostrou disposto a entregar sua coroa facilmente.

A partida passou a ganhar contornos épicos a partir do terceiro set. Quando o placar era de 5/4 para o suíço, a chuva paralisou a partida. Depois de longa parada, o jogo voltou e Roger ganhou no tiebreak, diminuindo a desvantagem. E a quarta parcial transformou de vez o jogo em algo histórico. 

Confira os melhores momentos da emocionante partida:

Após empate em 6/6, novo tiebreak foi necessário. E o desempate é considerado, até hoje, um dos maiores de todos os tempos. Nadal abriu 5/2, Federer reagiu, mas mesmo assim teve match points contra, salvando de forma espetacular. No fim, 10/8 para o Maestro, forçando o quinto set.

E a parcial decisiva se manteve absolutamente equilibrada. Sem refletores e com a luz natural acabando, o jogo se decidiu em clima tenso, pela pressão e pela incerteza de que o duelo se encerraria ainda naquele dia. No fim, quase no escuro, Nadal fez 9/7 e finalizou o épico confronto em Londres.


Notícias Wimbledon Roger Federer Rafael Nadal


REVISTATENIS.COM.BR VOLTA ÀS QUADRAS MAIS ÁGIL DO QUE NUNCA


Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 178,80R$ 357,60R$ 178,80R$ 178,80
Assine Agora porR$ 160,92R$ 286,08R$ 99,96R$ 99,96
Desconto
EconomizaR$ 17,88R$ 71,52R$ 78,84R$ 78,84
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 53,64 6x R$ 47,68
Assinando agora você GANHA também Munhequeira

Boletim Revista TÊNIS

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas