Revista TÊNIS

ATP Tour

Djokovic erra muito, perde para Medvedev e se despede do Masters de Monte-Carlo

Sérvio buscava o tri no torneio disputado no saibro de Mônaco, mas cometeu 47 erros não forçados na partida e perdeu para o empolgado russo

Da redação em 19 de Abril de 2019 às 10:31

Foto: Divulgação/Masters de Monte Carlo

O russo Daniil Medvedev alcançou uma das mais notáveis vitórias de sua carreira nesta sexta-feira. Número #14 do mundo, ele aproveitou uma atuação irregular do sérvio Novak Djokovic para confirmar sua presença nas semifinais do Masters 1000 de Monte-Carlo. Em jogo de 2h20, o tenista de 23 anos anotou o placar de 6/3, 4/6 e 6/2 para selar a grande vitória.

Com o resultado, Daniil anota sua primeira vitória sobre Djokovic. Antes, ele havia perdido todos os três confrontos anteriores. O mais recente aconteceu no Australian Open deste ano, quando ele chegou a vencer o segundo set, mas viu o tenista de Belgrado se mostrar mais constante para ficar com o triunfo e ir as quartas de final.

Leia mais:

Brasil x Eslováquia: Saiba como ver o duelo pela Fed Cup na TV
Medvedev dá exemplo de persistência e raça e conquista ponto impressionante contra Djokovic; assista

Em busca da final na competição disputada no saibro do Principado de Mônaco, Medvedev encara agora o sérvio Dusan Lajovic, que mais cedo derrotou o italiano Lorenzo Sonego com o placar de 6/4 e 7/5 em 1h47. Este será o segundo duelo entre eles, após vitória do natural de Moscou em 2018, com parciais de 6/2 e 6/1 justamente nas oitavas de final do ATP 250 disputado na capital russa.

Foto: Divulgação/Masters de Monte Carlo

O jogo

O começo da partida teve um Djokovic muito lento e, às vezes, apático. Atento, Medvedev aproveitou o momento e alcançou uma quebra importante já no game inicial.

A partida seguiu com confirmação dos saques com maior facilidade até o quinto game, quando Daniil desperdiçou uma chance de ouro. Depois de ter 0/40 no placar, ele viu o bicampeão em Mônaco salvar os três breakpoints e se manter na disputa. Apesar da melhora momentânea, Nole seguiu errando e viu o russo fechar o set em 40 minutos. Só nessa etapa, foram 21 erros não forçados cometidos pelo líder do circuito masculino.

Confira o grande ponto da partida:

A segunda etapa da partida teve uma grande evolução de Nole, que pareceu mais vibrante e motivado. No segundo game, o dono de 15 títulos de Grand Slam conseguiu salvar uma chance de quebra do russo, que poderia sacar com 2 a 0 no placar caso conseguisse. Em seguida, foi Djokovic quem venceu o serviço adversário. Com controle das jogadas na mão, ele foi certeiro em variar seu jogo, abusando de drop shots e boas subidas à rede, para minar a confiança do russo e assim empatar a partida.

Leia mais:

Confira as principais notíciais sobre Novak Djokovic

O terceiro set foi favorável ao jovem russo. Inteligente, ele aproveitou a queda de rendimento de Djokovic no quarto game para quebrar o saque e marcar 3 a 1. Medvedev seguiu e conseguiu marcar outro game no saque do oponente e chegou a sacar para o set. Nole, entretanto, se recuperou e evitou a derrota após quebrar de volta e deixar o placar em 5/2. Daniil não se abalou, seguiu firme e aproveitou falhas do sérvio para fechar na sequência.


Notícias Novak Djokovic Daniil Medvedev Masters 1000 de Monte-Carlo


REVISTATENIS.COM.BR VOLTA ÀS QUADRAS MAIS ÁGIL DO QUE NUNCA


Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 178,80R$ 357,60R$ 178,80R$ 178,80
Assine Agora porR$ 160,92R$ 286,08R$ 99,96R$ 99,96
Desconto
EconomizaR$ 17,88R$ 71,52R$ 78,84R$ 78,84
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 53,64 6x R$ 47,68
Assinando agora você GANHA também Munhequeira

Boletim Revista TÊNIS

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas